notíciaspolicial

Matinha, Timbiras e outras prefeituras estão na mira da PF por superfaturar insumos no combate ao Covid-19

A operação deflagrada nessa manhã em São Luís e São José de Ribamar, intitulada como “Cobiça Fatal”, agora deve se voltar para outros oitos municípios no Maranhão. Timbiras e Matinha são os principais alvos, já que ambos já receberam insumos hospitalares superfaturados com empresa que indica fraude na licitação.

A empresa investigada se trata da “Precision Soluções Diagnósticos LTDA”, tendo já formalizado contrato, modalidade dispensa de licitação com outras Prefeituras. São elas: Icatu, Cajapió, Lago do Junco e Porto Rico.

De acordo com a Polícia Federal, na operação de hoje, foram cumpridos três mandados de prisão e 14 de busca e apreensão, além do sequestro de bens e bloqueio de contas dos investigados no valor de R$ 2,3 milhões.

Alguns produtos investigados foram superfaturados em cerca de 341%.
Mas próximas semanas Polícia Federal deve deflagrar a operação em Matinha e Timbiras, já que essas já compraram produtos da principal empresa investigada.

Linielda, Prefeita de Matinha e Antônio Borba, Prefeito de Timbiras

PF na SEMUS de São Luís, em operação deflagrada na manhã de hoje, 09.

Leave a Response