notíciaspolítica

Paço do Lumiar: Veja a decisão que anulou licitação de buffet da Câmara de Vereadores

TCE aponta que contratação da empresa de buffet mediante a pandemia do COVID-19, contraria as recomendações do Ministério de Saúde, o site Maiobão TV fez denúncia nesse sentido em matéria veiculada anteriormente.

O vereador Fernando Muniz (PP) bem que tentou, mas não será dessa vez que irá contratar empresa para prestar serviços de Buffet, organização de eventos e cerimonial.

O Ministério Público de Contas – MPU, ainda rechaça que os trabalhos da Câmara Municipal de Paço do Lumiar estão suspensos, conforme os Termos do Decreto Administrativo nº 05/2020, assinado pelo próprio presidente da casa, que determinou a suspensão dos trabalhos administrativos e legislativos presenciais do Poder Legislativo Luminense.

Como se nao bastasse o estado de emergência que o país vive devido às infeções do coronavírus, o relator do processo, Conselheiro Álvaro César de França Ferreira mencionou que o edital de licitação da Câmara, indicou marcas específicas de refrigerantes a serem adquiridos. A lista de supérfluos e quitutes VIP’s de Fernando Muniz não para por aí, o que mais se destacou no edital foram as exigências de tortinhas de palmito, canapés de tomate seco, quiche lorraine etc.

Veja a decisão na íntegra:

Leave a Response