notícias

Caos na saúde: Pacientes são obrigados a comprar remédios para hospital de Pinheiro

Luciano Genésio (PP), recebeu de reforço para saúde quase R$ 1 milhão do Governo Federal para o combate ao coronavírus.

Nesta última segunda-feira (20), o site Maiobão TV recebeu por exclusividade a denúncia de que pacientes que precisam ir à hospitais municipais de Pinheiro, são obrigados a comprar os medicamentos para poder serem atendidos.

O que mais causa revolta à dignidade dos pinheirenses, é a forma como os problemas de saúde pública são tratados pelo prefeito. Diante dos fatos, Luciano Genésio se orgulha de ter arrecadado pouco mais de R$ 100 mil reais em uma “live solidária”, que parecia mais uma autopromoção, e farra entre amigos. O prefeito esquece de administrar a cidade perante uma pandemia devastadora, recebe dinheiro federal, não aplica e não dá satisfação ao povo da cidade.

No teor da denúncia, o pinheirense afirma que a compra de medicamentos para atendimento dentro dos hospitais municipais de Pinheiro é prática comum na cidade. É lamentável a situação caótica que os pinherenses passam, o site Maiobão TV faz um apelo ao Ministério Público Estadual, Tribunal de Contas do Estado e demais órgãos fiscalizadores para apurar o que está acontecendo com os recursos públicos.

1 Comment

  1. Essa falta de respeito com a população não e de hoje isso aconteceu com meu pai, esteve internado nesse hospital e tivemos que comprar toda medicação que ele precisava.

Leave a Response