notíciaspolítica

Estaria nascendo uma nova oposição ao Governo Flávio Dino?

Ao longo dessa semana parece ter ocorrido um novo divisor de águas na política maranhense. A Reforma da Previdência do Governo do Maranhão, além de trazer aos maranheses o aumento de alíquota, trouxe também um novo cenário político.

No dia em que a proposta chegou para ser votada de forma emergencial, os deputados da base do PL, formados por Detinha, Vinícius Louro, Hélio Soares e Leonardo Sá, saíram da planária para não votar. Entretanto no mesmo dia o Deputado César Pires pediu vistas do projeto, adiando assim, por 24 horas a votação.

No outro dia, os deputados do PL, comandados pelo então Deputado Federal Josimar do Maranhãozinho não apareceram na sessão, justamente para não votar a tal da reforma governista.
Desde então, o que se viu foi o surgimento de uma possível aliança rompida entre PL e Governo.

O Governador que acompanhou a votação ao vivo do seu gabinete, já teria destilado em alto e bom tom para os aliados do PL de que não vai aceitar quem é Governo, agir como oposição. Em tempos, Maranhãozinho tem dentro do Governo Dino indicação de Secretariado.

Flávio Dino que vinha navegando em mares tranquilos parece que enfrentará algumas tempestades daqui em diante. A iniciar por votações na Assembleia, já que o comunista tinha 39 deputados dos 42 eleitos. Agora, parece ter perdido uma grande e importante base.

Leave a Response