notícias

Mábenes mesmo foragido mantém sobrinho na Prefeitura de Paço

Ex-prefeito de Paço do Lumiar acumula mais de 50 anos em condenações, dentre elas muitas criminais.

Mábenes Fonseca administrou a cidade nos anos de 2001 e 2002, hoje se encontra foragido da justiça estadual, devido a um mandado de prisão expedido em fevereiro de 2019.

Mábenes, surgiu na política luminense nos anos 90, e desde que saiu em 2002 mantém seus familiares “amilhados” em todas as gestões. Desaparecido de Paço do Lumiar, hoje mantém o sobrinho, Plácido Fonseca com cargo comissionado na prefeitura, recebendo altos salários da gestão municipal, e utilizando das mesmas práticas do tio foragido, atacando diariamente seus adversários políticos. O sobrinho de Mábenes Fonseca é funcionário da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana, protegido pelo secretário Pádua Nazareno, que teve um elo partidário com os Fonsecas no passado.