(98) 99143-3495 contato@maiobaotv.com.br
sexta-feira, agosto 23, 2019
notícias

TALENTOS PELO MARANHÃO: A MUDANÇA NA SAÚDE DE SERRANO

MANU: UMA “MENINA” DE APENAS 28 ANOS ANOS DE IDADE, COM CINCO PÓS GRADUAÇÕES E APAIXONADA PELA ARTE DE CUIDAR DAS PESSOAS ESTÁ TRANSFORMANDO O SETOR DA SAÚDE EM SERRANO.

Nessas minhas andanças pelo estado, encontro nas minhas viagens casos & coisas que me deixam a cada dia mais apaixonada pela minha profissão.
Amo contar histórias.
Hoje quero contar um pouco da jovem, competente e talentosa secretária de saúde de Serrano.
Eu já sabia de todas essas qualidades mesmo antes de conhecê-la pessoalmente.Antes de qualquer coisa quero parabenizar o prefeito MAGUILLA pela excelente equipe de secretários.
Bom…Voltando a falar sobre a moça que faz questão de dizer.” Sou quilombola” .
Ao me deparar com a fisionomia alegre e cheia de vida de Malú, percebi também que ali havia uma história, e, ao longo da nossa conversa a emoção foi surgindo junto com minha admiração. Manú se tornou destaque pela sua atuação na secretaria de saúde de Serrano desde que assumiu a pasta em junho deste ano.
Extrovertida adora dançar e estar ao lado do povo é uma de suas maiores alegrias. Manú é de família humilde, sua mãe era vendedora seu pai carroceiro, mas que conseguiram vencer pelos seus próprios esforços, dando aos filhos a possibilidade de estudar e se tornar pessoas fortes e determinadas. com base familiar e religiosa fortes, ela traçou um caminho de sucesso e conseguiu chegar onde está hoje.
“Eu nunca imaginei chegar onde eu estou, não por status, status para mim pouco importa, e, o salário também é um pouco parecido com salário de enfermeira, mas pelo fato de que eu consigo ouvir na rua: Manu- obrigada por salvar a vida do meu filho. Se eu morresse hoje eu morreria completamente feliz. Serrano para mim é uma dádiva um presente que Deus colocou em minha vida, se Ele quiser me dá desafios maiores eu aceito, mas Serrano já é um dos maiores e mais adoráveis desafios da minha vida”.
A humildade também apareceu forte nas entrelinhas da nossa conversa quando ela começou a dizer que o cargo de secretária de saúde é passageiro, mas aquilo que ela conseguir colocar dentro da bagagem da vida, isso sim é para sempre.
“Fui convidada para este desafio e o aceitei apesar de todos me dizerem que ia ser difícil devido Serrano ser um município de menor IDH e pelo histórico de sofrimento do povo. No entanto, eu olhei para mim mesma e disse que se Deus me trouxe até aqui é porque eu iria dar conta”. Disse ela com convicção.
Seus 28 anos de idade contrastam com sua maturidade aguçada. Formada há mais de 10 anos em Enfermagem com 5 Pós-graduações, sua paixão pela profissão está escrita em seu rosto. Com experiência em Gestão, ela já foi diretora de Maternidade no município de Viana.
Juntando as imagens da infância, as dificuldades por quais passou até chegar onde está hoje, Manú guarda na memória apenas o que foi bom. Seus pais se separaram quando ela tinha apenas 4 anos de idade, mas apesar disso, sua convivência com os dois sempre foi muito boa, cheia de amor e compreensão. Sempre se destacou nas escolas onde estudou exercendo papéis de liderança se espelhando na força da mãe que sempre dava um jeito para resolver as coisas.
“Vi minha mãe religando energia pelo fato de não poder pagar ” cresci vendo o sofrimento e dizendo de que de tudo aquilo tiraria proveito. Ou seja fazer da dor o louvor.
“Eu caio, levanto, choro e sofro como qualquer ser humano, mas adoro música, adoro dançar sou altamente extrovertida, gosto de estar ao lado do povo.este é meu jeito, eu sou popular mesmo, sempre fui assim e nunca vou ser diferente”, conta ela.

DIFERENCIAL DE MANÚ

Com histórico de assessoria em outros municípios, assim que chegou na gestão da saúde de Serrano, Manú optou pela valorização de seus funcionários, aumentou salários e conversou com o prefeito, pois ela sabia que para cobrar ela precisaria dar suporte para a sua equipe.
Manú me surpreendeu a cada nova afirmação. Tão decidida e determinada a vencer, até em relação aos desafios encontrados Manú garante que conseguiu tirar de letra, pois para ela, desafios a gente encontra em qualquer lugar, até em casa, e se cruzarmos os braços diante das dificuldades não vamos conseguir realizar completamente nada.
“Eu disse ao prefeito Maguila que não queria ser apenas organizadora de contas eu queria saber da realidade do meu município, eu queria atuar de forma plena, e no dia 5 de junho eu tomei posse como secretária de saúde”, lembra a jovem.

EXERCENDO A LIDERANÇA COM HUMILDADE E PÉS NO CHÃO.

Com muita vontade de dar o seu melhor, Manú não é tipo de menina que reclama dos problemas. Ao contrário, ela tenta encontrar a solução para cada um deles. Ao enumerar suas ações iniciais frente à pasta da saúde, ela diz cheguei em lugares em que não tinha unidades básicas, mas percebeu que até embaixo de uma árvore é possível fazer saúde.
“Graças a Deus o prefeito me dá carta branca para que eu possa realizar as coisas que eu quero, e, junto com a minha equipe consigo avançar nos programas e projetos. Eu reuni a todos e disse que eu não queria ser chefe de ninguém, mas que eu queria que juntos a gente mudasse o quadro atual do município, e, nós conseguimos”. Relata.
Foi com este pensamento e com ações concretas que ela, pela primeira vez viu aumentar os números de vacinações das crianças serranenses que até então era muito baixo. Manu garante que o resultado disso está no Portal da Transparência, nos indicadores, nos recursos aumentando, nos casos de hanseníase que diminuíram bastante, nas ruas e no rosto das pessoas que ela encontra.
“Eu trouxe juntamente com o estado, profissionais para ajudar neste desafio. Profissionais capacitados para que a gente possa detectar as doenças que estavam escondidas. Eu penso que se eu der mais atenção para a minha atenção básica com a saúde preventiva, eu posso evitar com que as pessoas da minha cidade possam dar entrada em hospitais como Socorrão, por exemplo. Eu sempre cuido da minha atenção básica, o segredo é fazer medicina preventiva, eu previno para que eu possa evitar algo maior”. Defende a jovem com muita determinação.

PARA MUDAR A REALIDADE DE SERRANO.

Foi para escrever uma história diferente que Manú nasceu. Ela fala isso com uma verdade única, dessas que arrepia e ao mesmo tempo conquista. Já são notórias as mudanças impostas pela vontade desta bela menina. O hospital que contava apenas com um médico por dia, agora ampliou seu quadro para 5 médicos, incluindo 1 pediatra. Esta foi com certeza uma das maiores conquistas desta gestão. Sem falar nos programas de saúde, equipes de Estratégias da Saúde da Família, programas de saúde nas escolas, programas para as mulheres, os adolescentes, com os idosos, farmácia básica suficiente para atender a demanda, realização de conferências com propostas específicas que possam garantir melhores políticas.
“Nós estamos lidando com saúde, saúde é coisa séria, a gente precisa se colocar no lugar do outro, se eu não me colocar no lugar do outro, não adianta. Eu não quero estar aqui por estar. Eu quero fazer a diferença e é por isso que eu estou aqui”. Declarou ela.

CONTINUANDO A HISTÓRIA.

Manú afirma que não quer ser apenas mais uma e de fato, ela não é. Ela tem um brilho diferente, um olhar vivo e especial, uma inteligência natural e um carisma único. Compartilhei nesta entrevista um pouco de sua história e me vi nela por alguns instantes, relembrando das minhas próprias dificuldades e da minha força em superar cada uma delas. Parece que trilhamos o mesmo caminho em épocas diferentes e que sua história é a continuação da minha. Sua simplicidade não lhe impede de sonhar, de ter ambições e de superar os obstáculos tais quais a vida lhe impõe.
“Sou simples, mas não quero ser mais uma, eu quero ser a Manu, eu nasci para cuidar, sei que tenho vários desafios, mas procuro ser diferente. Eu não vim por vim, eu vim para fazer a diferença”. Finaliza ela.

Fonte: www.revistacarasenomes.com.br

Leave a Response